GuiaInvest
rendimento da poupança guiainvest

Rendimento da Poupança: entenda como é definido

Quer saber se a caderneta é a melhor opção de investimento? Então veja aqui tudo o que precisa saber sobre como funciona o rendimento da poupança.

Para muitas pessoas, a poupança representa uma boa forma de investimento. Mas, para ter certeza de que aplicar seu dinheiro nela é um bom caminho, você precisa primeiramente entender como funciona o rendimento da poupança.

Isso mesmo! E nesse post nós, do GuiaInvest, vamos mostrar para você tudo o que precisa saber sobre esse assunto. Confira!

Como funciona o rendimento da poupança?

Quando se fala em rentabilidade, as instituições financeiras que possibilitam ao usuário aplicar seu dinheiro na poupança obedecem a mesma regra.

Ou seja, para qualquer investimento efetuado na caderneta a partir do dia 03/05/2012, a regra é a seguinte:

  • O rendimento básico é definido pela TR (Taxa Referencial). O rendimento adicional corresponde a 0,5% a.m ou 6,17% a.a, desde que a taxa Selic a.a seja de 8,5%. Também pode ser considerado como remuneração adicional 70% da taxa Selic a.a, mensalizada, em vigor na data referente ao inicio do período de rendimento. Isso se a taxa Selic a.a for igual ou abaixo de 8,5%.

No caso dos investimentos realizados antes dessa data, a poupança apresentará uma rentabilidade de 0,5% a.m acrescida de uma Taxa Referencial, que é equivalente a receber 6,17% a.a mais Taxa Referencial, isso sem considerar a taxa Selic no momento.

E quanto a rentabilidade mensal atualizada da Poupança?

O rendimento da poupança atual vai seguir a mesma regra dos investimentos realizados após o dia 03/05/2012, conforme pode verificar no gráfico abaixo, que mostra como se dá a rentabilidade na poupança nos últimos 30 dias.

rendimento da poupança guiainvest

Da mesma forma é possível verificar no gráfico abaixo, como se comporta o rendimento mensal da poupança nos últimos 5 anos.

rendimento na poupança guiainvest

Você também pode encontrar a tabela atualizada do rendimento da poupança (nova e antiga) no site do Banco Central.

O que acontece com o dinheiro na poupança?

Muitas pessoas têm a curiosidade de saber o que os bancos fazem com o dinheiro que encontra-se aplicado na poupança.

Basicamente, a regra do Banco Central nesse caso estabelece que os bancos devem destinar 65% dos depósitos efetuados na poupança para financiamentos. Sendo que do valor total destinado para essa finalidade, 80% é direcionado para financiamento de imóveis com valor até R$650 mil, e 20% vai para imóveis com valor acima disso.

O que sobrar da poupança é redirecionado da seguinte forma:

  • 20% vai para depósitos compulsórios;
  • 10% vai para um compulsório adicional;
  • 5% fica para ser aplicado de forma livre pelos bancos.

Com base no que foi dito até aqui, certamente deu para você perceber que a poupança representa uma fonte pouco rentável, certo?

Investir na poupança é uma boa opção?

Muita gente que busca por novas formas de investimento para fazer o seu dinheiro render sempre se faz essa pergunta.

E se você é uma delas a resposta para essa questão é DEPENDE!

A poupança geralmente é uma boa indicação para quem deseja criar uma reserva financeira com muita liquidez para cobrir qualquer emergência no orçamento. Aqueles imprevistos que acontecem e nos fazem precisar de dinheiro instantaneamente, sabe?

Fora isso, ela também pode ser considerada como uma boa opção para quem vai precisar daquele dinheiro de volta a curto prazo.

rendimento da poupança guiainvest

Além dessas duas situações, investir na poupança, apesar de ser uma forma de investimento segura, representa uma péssima decisão, uma vez que a rentabilidade por vezes perde para a inflação.

Ou seja, aplicando seu dinheiro na poupança, ao invés de fazer ele render, você corre o risco de perder dinheiro.

Mas não desanime.

Hoje em dia existem opções tão seguras quanto a poupança, e atenção: muito mais rentáveis. Como é o caso do Tesouro Direto! Além da segurança e alta rentabilidade, no Tesouro Direto, você pode fazer o resgate do seu dinheiro antes do prazo de vencimento.

E sem sofrer qualquer penalidade sobre a rentabilidade.

Além disso, com apenas R$70 reais você já consegue comprar um titulo e se tornar um investidor. Ou seja, essa opção permite baixos investimentos, o que é uma vantagem, especialmente para quem estar começando agora a investir.

No entanto, nem tudo são flores. Investimentos em renda fixa, como poupança ou Tesouro Direto não irão ajudar você a percorrer o caminho pela Liberdade Financeira.

Por serem pouco rentáveis, eles servem apenas para as suas reservas de emergência se manterem em segurança.

Portanto, se você deseja investir para aumentar a sua renda, você deve ir além dos investimentos da Renda Fixa. Para isto, você precisa conhecer investimentos que são infinitamente mais rentáveis, como Ações.

E agora você deve estar se perguntando se o investimento em ações não é muito arriscado…

Bem, depende! Com o método GuiaInvest você elimina potencialmente o risco, pois poderá usufruir de uma técnica específica que possibilita isto.

Se você deseja saber que técnica é esta, participe da nossa Masterclass gratuita e aprenda uma maneira de Dobrar a Sua Renda através do investimento em ações.

Equipe GuiaInvest

Nossa missão é ajudar as pessoas a poupar, administrar e investir seu dinheiro de maneira inteligente para que conquistem a liberdade financeira.

Ebook grátis:

O Plano Definitivo para Você Chegar à Liberdade Financeira

Descubra como planejar sua busca pela Liberdade Financeira começando do zero!

Baixar agora
E-book: O Plano Definitivo para Conquistar sua Liberdade Financeira
[CONTEÚDO NOVO]
[CONTEÚDO NOVO]