GuiaInvest
renda extra online com dividendos

Renda Extra Online com Dividendos: como criar

A ideia de ganhar dinheiro com renda extra online é muito atrativa. Quem não gostaria de melhorar a conta bancária, sem ter que despender mais tempo trabalhando?

Pode parecer algo impossível e até fantasioso, mas não é.

É possível complementar o orçamento, fazendo uso de um recurso financeiro muito prático e que muita gente não sabe como funciona: os dividendos.

Provavelmente você já ouviu falar sobre eles e como algumas pessoas se beneficiam da renda extra obtida por dividendos.

Aplicar isso, na prática, requer um pouco de conhecimento, mas nada que exija uma formação em finanças ou economia avançada. Basta estudar.

O primeiro passo é compreender como os dividendos funcionam e como você pode usufruir da renda que eles dão. Vamos aprender um pouco mais sobre isso neste artigo, acompanhe!

Dividendos e a Renda Extra Online 

Para ficar bastante claro, os dividendos são parte dos lucros de uma empresa, que são distribuídos aos sócios. Simples, não é?

Agora você pode estar se perguntando… “e se eu não for sócio de nenhuma empresa? Como irei ganhar dinheiro com dividendos?”

Aí que entra a resposta mais simples de todas: através das ações de determinada empresa.

Muitas empresas, quando necessitam de recursos para expandir ou iniciar novos projetos, dispõem “partes” da companhia no mercado.

Essas partes são as chamadas “ações”. Com isso, pessoas comuns têm a oportunidade de adquirir uma quantidade dessas ações, de modo que se tornam proprietárias de uma parte da empresa.

Ao comprar ações, os investidores passam a ter direito sobre o lucro obtido.

O valor que ele irá receber, corresponde à porcentagem do que comprou, gerando, portanto, dividendos.

Ou seja: cada ação comprada irá retornar ao comprador, em forma de lucro. Quanto mais a empresa lucrar, maior o potencial de distribuição de dividendos.

E tudo isso você faz da sua casa, basta um acesso a internet. Então, resumidamente, esta é uma excelente forma de gerar uma renda extra online.

Você investe seu dinheiro em uma empresa e conta que o sucesso dela irá lhe trazer benefícios financeiros. Bastante simples.

Porém, você não vai sair por aí investindo seu suado dinheiro em qualquer empresa, certo? O ideal é comprar ações daquelas que lhe dão o melhor retorno e é exatamente isso que torna um investimento melhor que o outro.

Para saber qual o melhor caminho para seguir (ou a melhor empresa para se investir), é importante que você tenha conhecimento sobre as possíveis candidatas e compreenda como cada uma delas retorna o investimento ao dono das ações.

O GuiaInvest pode te ajudar a fazer a seleção e analisar as melhores propostas. O portal da Bolsa de Valores também pode te auxiliar e não deixe de buscar mais informações sobre os critérios essenciais para selecionar ações.

Para isso, alguns termos precisam ser entendidos. Quando se deparar com eles, você conseguirá entender de que forma o seu investimento irá gerar renda extra online com dividendos e o que você deve fazer para receber esse retorno.

Vamos ao primeiro…

Juros sobre o Capital Próprio

Entre as formas de uma empresa remunerar seus acionistas, está essa.

A diferença entre os juros sobre capital próprio e os dividendos, vem através dos impostos. Os juros entram na contabilidade da empresa, o que os torna uma despesa.

Para obter a renda sobre os juros, o acionista deve declarar o ganho e, portanto, será necessário pagar imposto sobre essa renda (o famoso “Imposto de Renda”), ficando com o valor que sobra, após o pagamento.

Já os dividendos são determinados a partir do conselho da empresa, que especifica qual será o valor atribuído a cada porcentagem de ação.

Dividend Payout

Esse é o lucro líquido que será pago ao acionista.

O valor varia entre as empresas e é determinado pelo Estatuto Social ou Prospecto em que se enquadra e será esse rendimento que será pago ao acionista.

Ou seja: é preciso ficar atento ao Estatuto Social da empresa onde está investindo.

Algumas delas fazem a divisão de lucros de uma maneira massiva, retornando o investimento com altas cifras. Já algumas, podem destinar apenas 1% dos lucros ao acionista.

Isso não é injusto ou incorreto. Desde que esteja corretamente declarado no Estatuto Social, entende-se que o investidor concorda com os termos da divisão de lucros.

Se esse cenário não te agradar, busque outras possibilidades para investir seu dinheiro.

Tome bastante cuidado com informações obtidas em qualquer lugar. Corre por aí, que as empresas precisam – obrigatoriamente – retornar 25% dos lucros como dividendos aos acionistas.

Isso é irreal. O que determina o valor é o Estatuto Social.

Essa história dos 25% começou quando, em 1976, foi implantada a Lei das S/A (as empresas que são compostas por ações vendidas à qualquer pessoa).

Essa lei prevê uma orientação aos empresários, onde se determinaria o pagamento dos dividendos.

Qualquer valor seria considerado justo, desde que houvesse uma concordância entre as partes.

Porém, também há uma determinação de que o pagamento padrão de dividendos deve ser 50%. Portanto, os valores de retorno devem estar dentro desse padrão.

Foi aí que a história se complicou.

Entenda: considerando que o valor padrão de pagamento de dividendos está baseado em 50%, também é garantindo ao acionista que ele tem a possibilidade de vender suas ações caso o pagamento fique abaixo da metade do valor padrão.

Difícil? Vamos explicar melhor.

Metade do valor padrão seria, portanto, 25%. É nesse ponto que as pessoas passaram a se confundir. Veja bem: os acionistas têm a “possibilidade” de vender suas ações, caso o valor esteja abaixo dos 25%.

Em nenhum momento foi dito que a empresa deveria pagar 25%. O que foi previsto é que, estando abaixo desse valor, seria possível que os desinteressados abrissem mão de suas ações.

E voltamos ao Estatuto Social. Desde que esteja declarado o valor de pagamento, qualquer porcentagem estará determinada. Não caia nessa dos 25%.

Leia o documento de aquisição de ações e entenda, com clareza, qual será seu retorno.

Dividend yield

O dividend yield é, categoricamente, o porcentual referente à a renda que você irá obter. Também chamado de “retorno de dividendos”, é partir dele que você começa a ver o resultado real do seu investimento.

Para saber qual é esse retorno, basta que faça uma análise simples:

  1. Considere tudo o que a empresa pagou em determinado período (dividendos e juros sobre o capital próprio). Divida sobre a quantidade de ações. Vamos usar um exemplo hipotético, de que esse valor final seja de R$ 0,50 / ação.
  2. Agora, considere o valor total de uma ação. Vamos usar o exemplo de R$ 5.
  3. Usando a regra de três simples, chegamos ao resultado de que o dividend yield da empresa é de 10%. Esse é um valor ótimo. Significa que cada ação que você tem, retorna um décimo do seu valor.

Pode parecer estranho dizer que um retorno de 10% é bom, mas considere que o investimento inicial já foi feito e você não gasta mais nada com isso.

Em contrapartida, irá receber seus 10% a cada ano!

Com essa renda extra online obtida, você pode ir fazendo novos investimentos e comprando mais ações. É assim que os ganhos vão crescendo exponencialmente.

Bonificação por ações

As bonificações acontecem quando a empresa em que você é cotista, decide aumentar seu capital.

A cada vez que ela abre as cotas de ações, automaticamente precisa redistribuir os lucros entre os acionistas e ela o faz através de ações bônus.

Entenda como: supondo que a empresa em que investe tenha um capital de R$ 2.000 e resolveu destinar 10% de suas ações à novos investidores.

Quando o lucro foi incorporado a ela, o capital passou a valer R$ 2.400. Até aí, tudo muito simples.

Porém, considere que os 10% de lucro anterior gerava ações de R$ 2 e que, agora, com a mudança no capital, ele passou a valer 12%. Esses 2% irão gerar um descompasso nas ações.

Para equilibrar isso, a empresa pode disponibilizar mais 20 ações, para que os lucros voltem a ser de R$ 2. Essas ações sobressalentes são divididas entre os investidores. Ou seja: você pode ganhar ações de graça.

Ex-dividendo

Esse é um termo bastante técnico, mas que significa algo muito simples: é o tempo que você precisa ter a ação, para poder ter direito ao dividendo.

Os pagamentos dos proventos são determinados pela empresa. Ela pode decidir quando fará esses pagamentos. Algumas fazem anualmente e outras podem pagar até três vezes ao ano.

Tudo isso você fica sabendo através dos informativos direcionados aos investidores, ou no portal de Relações com o Investidor no próprio site das empresas.

Escolhendo onde investir

renda extra online com dividendos

Agora que você já conhece os termos técnicos relativos ao investimento de ações, basta escolher qual delas paga mais (se este for o seu objetivo).

Para isso, você precisa se atentar ao histórico da mesma e aos valores de dividend payout e dividend yield.

Para fazer essa escolha, você precisaria analisar todas as ações existentes na Bolsa e avaliar seus valores nos dois indicadores acima.

Pensando em facilitar pra você, nós já fizemos este trabalho pesado e estamos disponibilizando gratuitamente pra você.

Pode baixar agora mesmo e de maneira totalmente gratuita o nosso Ranking de Dividendos atualizado!

Quando fizer uma análise mais minuciosa, você poderá notar que determinadas empresas geram melhores rendas por dividendos. Isso acontece muito com as de energia elétrica, saneamento, pedágio, bancos e seguradoras.

Esse melhor retorno pode ser explicado pela estabilidade das mesmas. Como são empresas que sempre estão recebendo, automaticamente são, também, as mais inteligentes para se investir.

Geralmente, os custos de manutenção dessas firmas são estáveis e não geram tantos gastos como as outras. Sem contar a concorrência que, quase sempre, é pequena.

Dá para viver de dividendos?

Tudo é uma questão de se organizar. Você pode fazer investimentos em empresas diferentes, que pagam em tempos alternados.

Assim, você sempre terá um rendimento por dividendos e seu orçamento vai melhorar consideravelmente!

Quanto mais dinheiro você investir em boas ações pagadoras de dividendos, mais lucro você irá receber neste formato.  Podendo inclusive, conseguir dobrar a sua renda com os dividendos. 

Resumindo: o que fazer para lucrar com dividendos?

Lembre-se sempre dessas informações, quando decidir investir em alguma empresa:

  1. Cheque as informações sobre o local onde irá investir. Conheça a plataforma da empresa, qual seu faturamento e qual o lucro destinado aos acionistas. Procure dados sobre ela nos sites institucionais, nas áreas voltadas para possíveis investidores. Cheque, também, outras instituições que podem te auxiliar nesse processo, como o GuiaInvest.
  2. Não crie expectativas irreais. Tenha sempre em mente que o seu retorno financeiro é relativo ao seu investimento inicial. Não espere ganhar rios de dinheiro logo de uma vez e também não se iluda, achando que ficará rico com poucas cotas de ações. Planeje-se! Invista um pouquinho todo mês e logo começará a notar que os dividendos estão aumentando.
  3. Se informe sobre esse mercado. Estude bastante sobre investimentos, lucros e proventos.

Pensando em ajudar você, convidamos a assistir à nossa mais recente aula. O conteúdo é inédito, foi lançado há poucos dias.

Além disso, ela é totalmente gratuita e online, e você irá aprender uma maneira segura de investir em dividendos com o foco de criar uma Renda Extra Mensal!

Não perca. Temos poucas vagas!

Inscreva-se gratuitamente aqui. 

Equipe GuiaInvest

Nossa missão é ajudar as pessoas a poupar, administrar e investir seu dinheiro de maneira inteligente para que conquistem a liberdade financeira.

Ebook grátis:

O Plano Definitivo para Você Chegar à Liberdade Financeira

Descubra como planejar sua busca pela Liberdade Financeira começando do zero!

Baixar agora
E-book: O Plano Definitivo para Conquistar sua Liberdade Financeira
[Palestra Online]
[Palestra Online]