GuiaInvest

O Que Você Pode Aprender com o Livro Pai Rico, Pai Pobre

O livro Pai Rico, Pai Pobre traz importantes lições sobre o papel da educação financeira em nossas vidas. Neste artigo, você vai entender alguns conceitos fundamentais para gerar riqueza e liberdade financeira de acordo com este Best Seller de Robert Kiyosaki.

O livro Pai Rico, Pai Pobre traz importantes lições sobre o papel da educação financeira em nossas vidas. Neste artigo, você vai entender alguns conceitos fundamentais para gerar riqueza e liberdade financeira de acordo com este Best Seller de Robert Kiyosaki.

“Se você aprender esta lição, você se tornará um jovem sábio, rico e feliz. Se você não aprender, passará a vida culpando um emprego, um baixo salário ou seu chefe pelos seus problemas. Passará sua vida esperando por um golpe de sorte que resolva seus problemas de dinheiro”.

Esta frase, dita pelo pai rico de Robert Kiyosaki, em Pai Rico, Pai Pobre – O que os ricos ensinam a seus filhos sobre dinheiro, ilustra bem a realidade em que muitos brasileiros se encontram, e é um excelente tema para debate. Vamos lá?

A falta de educação financeira coloca a maioria absoluta das pessoas em um perigoso piloto automático na vida.

Como resultado disso, a infelicidade no trabalho, dívidas que parece que nunca serão pagas e a sensação de trabalhar hoje para bancar o almoço de amanhã atuam como verdadeiros fantasmas para muita gente.

Eu acredito que esse não é o caso de você que me acompanha aqui no blog. Afinal, só por estar aqui você já dá um sinal de que tomou as rédeas de sua vida financeira – ou, ao menos, que está buscando tomar.

Ainda assim, acho importante trazer para cá alguns conceitos do livro Pai Rico, Pai Pobre que, ao meu ver, deveria ser uma leitura obrigatória nas escolas brasileiras.

Aliás, sempre me pergunto sobre quantas vidas poderiam ser mudadas se o conhecimento sobre finanças pessoais fosse mais difundido em nosso país…

Lições do Livro Pai Rico, Pai Pobre

licoes livro pai rico pai pobre

Uma curiosidade interessante sobre o livro é que o pai pobre do autor não era alguém de baixa escolaridade. Pelo contrário, era um Ph.D que ganhou um ótimo salário a vida toda, mas nunca foi capaz de controlar suas finanças. Tanto é que, com sua morte, a família herdou uma série de dívidas!

Essa história é importante porque ajuda a derrubar um mito de que quanto maior for seu salário, melhor será a sua vida. Isso é verdade apenas quando você toma uma postura proativa com relação a suas finanças.

Aos nove anos, o autor recebeu de seu “pai rico” um conselho que nunca esqueceu: a educação é o fundamento do sucesso. Nada novo, talvez, mas que vale ouro quando se observa que a questão vai além da tradicional educação acadêmica – como bem ilustra o pai Ph.D.

Eu duvido que você não conheça alguém que ganha um bom salário, mas tem dificuldades financeiras e/ou vive esbanjando para manter uma imagem muitas vezes falsa.

A vida bate em todos nós. Alguns desistem. Outros lutam. Alguns aprendem a lição e seguem em frente. Eles recebem satisfeitos os trancos da vida. Para estes, isso quer dizer que precisam e querem aprender alguma coisa. Eles aprendem e prosseguem em frente. A maioria desiste e uns poucos, como você, lutam”, diz o pai rico ao pequeno Robert.

Falar e Sonhar ou… Fazer?

educação financeira

Muitas pessoas falam e sonham em ficar ricas. Vocês fizeram alguma coisa.”

Esse foi o elogio que o pai rico fez a Robert e seu amigo Mike quando, aos nove anos, tiveram uma ideia mirabolante, característica da inocência de uma criança, para ficarem ricos.

A busca pela riqueza dos dois foi impulsionada pelo fato de serem os únicos meninos pobres de sua escola. A raiz da mudança veio de um cenário triste, difícil e que muito os incomodava. O medo de permanecer pobre os impulsionou a agir.

Por mais que a ideia – fabricar moedas de dólar a partir da reciclagem de tubos de pasta de dente – fosse, obviamente, ilegal e impraticável, o pai rico valorizou a mente empreendedora dos pequenos.

Via neles a esperança de dois futuros adultos caminhando distante da grande manada ou, como Kiyosaki chama, da corrida de ratos, em que se trabalha cada vez mais para pagar dívidas e remunerar o governo através de impostos.

Use o medo a seu favor

O controle sobre as emoções, que tanto já falei aqui no que diz respeito a investir na bolsa de valores, também é fundamental em que se relaciona ao dinheiro.

O medo e o desejo, segundo o autor, são duas emoções que podem levar à maior armadilha de sua vida se você não tiver consciência de que elas estão controlando seu pensamento.

Passar a vida com medo, não explorando jamais seus sonhos, é cruel. Trabalhar arduamente por dinheiro, pensando que este comprará aquilo que lhes trará felicidade é também cruel. Acordar no meio da noite apavorado com as contas a pagar é uma forma de vida horrível.”

Em mais uma passagem do livro Pai Rico, Pai Pobre que merece destaque, o pai rico conta que enquanto os ricos fazem o dinheiro trabalhar para eles, os pobres e a classe média trabalham pelo dinheiro.

Apenas aceitam o pagamento sabendo que eles e suas famílias lutarão com dificuldades financeiras. Mas é tudo o que fazem, esperando um aumento na ilusão de que mais dinheiro resolverá o problema. A maioria se conforma e alguns procuram um segundo emprego, trabalhando mais, mas continuam aceitando um contracheque ínfimo”.

Participe da Semana do Investidor

semana do investidor

Eu carrego comigo a missão de ajudar as pessoas a investir bem seu dinheiro para que possam gerar riqueza e conquistar seus maiores sonhos. Foi por isso que criei o GuiaInvest em 2008.

Hoje, além de sermos a maior rede social de investidores de Brasil, temos este blog, lido diariamente por milhares de pessoas, temos diversos cursos e, de tempos em tempos, lançamos novidades.

Hoje eu estou convidando você a participar da minha aula gratuita que mostra como escolher ações boas pagadoras de dividendos, uma excelente alternativa para quem quer ver seu patrimônio aumentando no longo prazo.

A aula é gratuita e 100% transmitida pela internet.

Espero você lá.

Bons investimentos.

Crédito das imagens: www.shutterstock.com

André Fogaça

André Fogaça é empreendedor digital, investidor e co-fundador do GuiaInvest. É formado em Administração de Empresas pela UFRGS e pós-graduado em Economia e Finanças pela mesma instituição. Possui credencial de administrador de carteiras e consultor de valores mobiliários pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

[Palestra Online e Gratuita]
[Palestra Online e Gratuita]