Blog do GuiaInvest

A Melhor Forma de Gerar Renda Sem Precisar Trabalhar

Quem não gostaria de criar uma Renda Passiva sem precisar trabalhar, não é mesmo?

A maneira mais conhecida de geração de renda é através do trabalho. Esse ganho vindo do seu emprego chama-se Renda Ativa.

No entanto, não é por ser o meio mais conhecido que é o único, ou o melhor deles.

Nas próximas linhas irei mostrar pra você outras maneiras de gerar uma Renda Passiva sem precisar trabalhar a mais por isso.

Uma renda totalmente extra. 

Vamos lá?

Como gerar uma Renda Passiva sem precisar trabalhar

Quando você depende apenas da sua Renda Ativa, você precisa trabalhar continuamente, todos os dias.

Se você decidir parar de trabalhar, imediatamente irá parar de receber dinheiro. O que seria um problema, pois as suas contas não deixariam de chegar e você poderia ficar endividado.

Já na Renda Passiva, isso não acontece.

Você dedica um esforço inicial que produz resultados mesmo se você resolver não fazer mais nada da sua vida.

É como uma árvore frutífera: você planta, cuida e espera todos os anos pelos frutos que ela dá.

Neste tipo de renda é onde se aplica a expressão: fazer o dinheiro trabalhar para você.

À esta altura você já deve imaginar que Renda Passiva é aquela proveniente de investimentos. Posso dizer que você está metade certo.

Na verdade existem dois tipos: Renda Passiva com capital, que no caso são os investimentos; e Renda Passiva sem capital, que envolve direitos autorais, licenças de uso de nomes e patentes, cliques em sites específicos, etc.

Hoje irei falar um pouco apenas da primeira opção: Renda Passiva com capital, proveniente de investimentos financeiros.

Se você tem interesse em criar uma Renda Extra, mesmo que você tenha pouco dinheiro para começar, me acompanhe neste artigo.

Ao final da leitura, você saberá qual o melhor caminho a seguir, e eu ainda vou deixar um presente para que você comece a dar os primeiros passos sozinho.

Tipos de Renda Passiva com capital

Existem diversos investimentos capazes de gerar uma Renda Passiva sem que você precise trabalhar a mais por isso.

Alguns exemplos são:

  • Fundos Imobiliários;
  • Tesouro Direto com Cupons;
  • Ações pagadoras de Dividendos.

No entanto, alguns destes têm características complicadas como exigir um alto custo inicial, ou são pouco rentáveis, ou têm alto risco, ou demandam mais tempo…

Tornando-se menos atraentes do que os outros.

Por este motivo, hoje irei falar dessas três opções: Fundos Imobiliários, Tesouro Direto com Cupons e Ações pagadoras de Dividendos.

Estes três investimentos são considerados mais simples e recomendados para quem está começando ou para quem tem pouco dinheiro para começar.

Com valores baixos e um mínimo envolvimento da sua parte, você tem a oportunidade de criar uma Renda Passiva sem precisar trabalhar a mais por isso.

No final deste texto irei apresentar um método seguro e eficaz para o melhor destes investimentos, caso você opte por começar ainda hoje.

Vou explicar melhor em seguida…

Agora vamos aos investimentos.

Fundos Imobiliários

Os Fundos de Investimentos Imobiliários, ou FII’s, para os mais íntimos, são formados por grupos de investidores que aplicam dinheiro em negócios imobiliários.

Nisso se incluem imóveis prontos, como edifícios comerciais, shoppings, hospitais e galpões.

Um fundo pode conter mais de um imóvel, por exemplo, assim como um fundo de investimentos é composto por vários ativos.

O objetivo é comprar cotas desses fundos de imóveis e mensalmente receber os proventos, que nada mais são do que aluguéis.

Quando você compra uma cota de um fundo imobiliário, você se torna proprietário de uma pequena parte de todos os imóveis compostos no fundo.

Logo, você recebe o aluguel dos inquilinos proporcionalmente ao valor de sua cota.

É como ter um imóvel e alugar, mas sem toda a incomodação que é ter um imóvel.

A vantagem desses investimentos é a isenção de Imposto de Renda nos alugueis recebidos.

Títulos Públicos com Cupons

Este é um investimento de Renda Fixa. É considerado seguro, porém não muito rentável.

É uma modalidade de títulos do governo, onde você compra um título e seu dinheiro fica rendendo.

Dentre os títulos existentes, dois permitem que você opte por receber os juros com cupons de 6 em 6 meses.

São eles:

  • Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais
  • Tesouro Prefixado com Juros Semestrais

Nesses casos, você escolhe a data de vencimento (entre as disponíveis). Quanto maior for o tempo que você vai deixar o dinheiro investido, maior será a sua rentabilidade.

Porém, uma vez que você opte pelos juros semestrais para gerar a sua Renda Passiva, sua rentabilidade final será menor.

Este é o ponto negativo deste tipo de investimento. Apesar de ser seguro, você demora até construir uma Renda Passiva que seja eficaz para complementar a sua vida financeira.

Ações pagadoras de Dividendos – o melhor caminho a seguir

Ações são pequenas participações que você pode comprar de uma empresa, tornando-se um dos sócios.

Dessa forma você recebe participações nos lucros – os chamados dividendos. Existem ações negociadas na bolsa a menos de R$ 10.

Assim sendo, hoje em dia, é muito simples a entrada de novos investidores na Bolsa de Valores.

Mas você não pode escolher qualquer empresa para ser sócio.

Um grande erro é achar que ser sócio de uma empresa famosa é sinônimo de resultado…

Quando na verdade, muitas empresas conhecidas possuem prejuízos enormes.

No entanto, escolher boas empresas para ser sócio não é uma tarefa tão difícil. O ideal é sempre fazer parte de negócios altamente lucrativos.

No final deste artigo deixei um presente, que trará o passo a passo para você saber analisar e escolher suas ações.

Depois disso, é necessário que, dentre as empresas lucrativas que você analisou, você escolha as que possuem o maior potencial de pagamento de dividendos.

O dividendo é o lucro da empresa distribuído aos acionistas. Ao comprar uma ação pagadora de dividendos, você receberá uma quantidade de dividendos proporcional ao número de ações que você possui.

Quanto mais ações, maior os valor dos dividendos que você receberá.

E o mais importante: você deve investir regularmente nesse tipo de ação. É isso que vai permitir você ter um Renda Passiva sem precisar trabalhar a mais por isso.  

E quais as vantagens de investir em empresas que pagam bons dividendos?

Primeiro, elas possuem baixa volatilidade em relação a outras ações do mercado, sofrendo menos com o sobe e desce da bolsa.

Segundo, pois os investidores em dividendos tendem a ser mais comprometidos em receber o lucro dessas empresas, logo não ficam comprando e vendendo a todo momento.

Eles querem receber renda em períodos de crise e de euforia, então, o preço dessas ações costuma ser muito mais estável.

Assim, investir em empresas que pagam bons dividendos é vantajoso pois é possível ganhar mesmo com a bolsa em queda.

A verdade é que existem indicadores específicos para saber quais são as melhores empresas pagadoras de dividendos, e você saberá assim que receber o presente que preparei.

Esses indicadores são conceitos muito simples, mas são fundamentais para garantir a qualidade das ações que você está comprando.

Colocando a mão na massa…

Agora que você já sabe as principais formas de gerar uma Renda Passiva sem precisar trabalhar, é hora de colocar a mão na massa

Você já sabe que o melhor caminho a seguir para uma renda extra são os dividendos. E, conforme o prometido, deixo aqui o presente que comentei com você.

Se trata de um ebook, 100% gratuito, onde você garantirá um completo passo a passo para você começar os seus investimentos em ações.

Mesmo que você:

  • Tenha pouco dinheiro para começar;
  • Seja leigo na Bolsa de Valores;
  • Não tenha muito tempo nem paciência para ficar acompanhando o mercado.

Através deste material, você terá a chave para uma nova vida. A vida próspera de um Investidor de verdade.

Você poderá compartilhar o seu conhecimento com todos os seus amigos e familiares. Me ajudando a espalhar a Educação Financeira por aí.

Você aprenderá uma maneira segura, eficaz e concreta de criar uma Renda Passiva, que poderá levar você diretamente para o caminho da Liberdade Financeira.

E então, vamos nessa?

Quero baixar o ebook e dar início à minha jornada da Liberdade Financeira!

Deixe um comentário abaixo para eu saber o que você achou deste artigo, e do presente que deixei no final.

Até o próximo post!

Laura Terra

Analista de Conteúdo Estratégico no GI. Formada em Jornalismo pela Universidade Católica de Pelotas. Estudou a língua inglesa na Strathfield College, em Sydney Austrália. Apaixonada por ajudar as pessoas, viajar e curtir seus gatos.

Ebook grátis:

O Plano Definitivo para Você Chegar à Liberdade Financeira

Descubra como planejar sua busca pela Liberdade Financeira começando do zero!

Baixar agora