Blog do GuiaInvest
como evitar perder dinheiro em ações

Como evitar perder dinheiro em ações com 1 dica simples

Quando se trata de investimento em ações, seguir o movimento da maioria dos investidores é uma péssima ideia. Descubra nesse artigo uma simples dica que poderá evitar prejuízos financeiros nos seus investimentos em ações.

Perder dinheiro em ações pode ser a consequência de um erro bastante comum entre investidores iniciantes (ou não). Se você quer evitar perdas, acompanhe as próximas linhas e conheça 1 dica simples que vai fazer a diferença.

Isso já aconteceu com você?

Você está de férias no exterior visitando uma bela cidade. E você está caminhando no centro da cidade enquanto decide procurar um café. Aí você se depara com a seguinte situação: de um lado da esquina há um café com apenas duas pessoas e do outro lado há outro café com pelo menos umas 30 pessoas dentro.

Diante desta situação eu pergunto: qual café você escolhe?

Provavelmente você irá escolher aquele com mais pessoas. Sabe por quê? Simplesmente por que nós humanos estamos automaticamente procurando pistas de como agir ao observar como os outros estão agindo.

Isso se chama aprovação social. Se aquele café está cheio é por que aquelas pessoas devem saber qual é a melhor opção de café. Afinal, tantas pessoas não podem estar todas erradas ao mesmo tempo.

E o mais incrível é que isso acontece em diversos aspectos de nossas vidas, o tempo inteiro. Entretanto, no mercado de ações isso é bastante nítido, porém perigoso. É possível afirmar que seguir a opinião da maioria pode ser uma tremenda armadilha que poderá levar você a ter grandes prejuízos financeiros.

Neste artigo você vai aprender:

  • Como uma simples dica poderá ajudar você a evitar perder dinheiro em ações, com prejuízos financeiros nos seus investimentos;
  • Que quando se trata de investimento em ações, seguir o movimento da maioria dos investidores é uma péssima ideia.
  • Como entender o efeito manada com a história de um mero engraxate do início do século XX.

Por que seguir a opinião da maioria é prejudicial para você (investidor)

efeito manada

Em geral, somos fortemente influenciados pela opinião das outras pessoas. Isso é fato. E na tomada de decisão de investimento não é diferente, pois é uma forma comum de simplificar o processo decisório. Você há de concordar comigo que cometer um grave erro de avaliação junto com outras pessoas tem um significado distinto de auferir o mesmo erro sozinho.

Agir em conformidade com o restante das pessoas gera uma sensação de conforto e segurança. Adotar um comportamento em que indivíduos com as mesmas percepções ou as mesmas ancoragens executam ações similares gera um efeito cascata, que no mercado financeiro é conhecido como efeito manada.

No mercado de ações, a identificação deste efeito tem um significado muito importante para o sucesso nos investimentos. Aqueles que compreendem esse fenômeno e são capazes de discernir os momentos em que o efeito atua sobre o mercado, podem se beneficiar e obter melhores resultados do que o restante que se juntou a manada.

Quando se torna público o que os outros pensam sobre determinada ação, começa a se formar um consenso social e, à medida que as pessoas agem baseadas nesse consenso, vai-se desenvolvendo o “efeito manada”. E este pode ser um grande risco para perder dinheiro em ações.

As bolhas especulativas são os mais típicos casos de efeito manada no mercado de ações. Essas bolhas ocorrem quando os investidores estão comprando ações enquanto todos os outros também estão, neste caso, ambos influenciados pelo efeito manada, que nada mais é do uma reação que se autoalimenta até estourar a chamada bolha.

Não podemos esquecer de mencionar o crash ou derretimento dos mercados como mais um exemplo deste efeito. Casos típicos ocorreram nas crises financeiras no México em 1995, Ásia em 1997, Rússia e Brasil 1998, e mais recentemente em 2008 na crise financeira que abalou praticamente todas as economias do planeta.

Nestes eventos, é possível identificar com muita clareza o efeito manada nos preços dos ativos financeiros. Cabe ressaltar que não tenho intenção de afirmar que esse efeito tem alguma relação com as causas das crises, mas sim exemplificar este viés comportamental no contexto dos mercados.

A profecia auto realizável da análise técnica (ou gráfica) e o perigo de perder dinheiro em ações

analise tecnica

A escola técnica ou grafista, popular método de análise de ações utilizados pelas investidores, possibilita uma ótima demonstração sobre o efeito manada. Esta escola utiliza como pressuposta para suas avaliações a repetição padrão do preço dos ativos no mercado.

A analise técnica é a própria configuração do efeito manada ou o conceito de profecia auto realizável. Se a maioria dos investidores acredita que determinado padrão gráfico indica uma perspectiva de alta do preço, o preço irá subir, independente dos fundamentos econômicos.

Esse é um dos fenômenos comportamentais mais conhecidos e debatidos pelo mercado e pode ser observado a todo momento. Imagine uma ação que esteja caindo a partir de uma explicação pouco convincente. Isso não impede que outras pessoas fiquem impressionadas pelo desempenho negativo do papel, vendam suas posições e acentuem a tendência de baixa.

Afinal, uma forma de simplificar o processo decisório é simplesmente seguir o grupo. Errar em companhia da maioria é menos estressante, ao passo que conviver com as consequências de um equívoco em virtude de um posicionamento oposto ao do grupo é um constrangimento que a maioria dos investidores evita a todo custo.

O efeito manada em momentos de alta do mercado é a principal explicação para a formação de bolhas. Um dos problemas de se identificar uma bolha é que quanto mais tempo ela dura, menos se parece com uma. Muitos investidores veem a valorização do mercado e não querem ficar de fora.

Eles extrapolam para o futuro a tendência de a valorização continuar ocorrendo. Então vemos a mídia alardear notícias sobre a alta que está ocorrendo. Como ninguém quer ficar de fora da festa, mais ordens maciças de compra são disparadas.

O problema é que nenhum preço sobe para sempre. Em determinado período, vem o recuo nas cotações. Uma hora ou outra, serão divulgados balanços que mostrarão que houve exagero de preço. Neste momento, muitos investidores vão relutar em se desfazer do ativo.

Como já ganharam muito até este momento, acreditam que não há motivo para desespero. A ganância fala mais alto.

Greed-Fear

Alguns pregões a mais de recuo dos preços e o número de vendedores começa a aumentar. A bolha estoura e, finalmente, atinge todos. A disciplina e o rebalanceamento são a única forma de não ser mais uma vítima. Siga a manada enquanto os fundamentos derem sustentação ao movimento do mercado. Mas deixe o conforto da manada quando esse não for mais o caso.

Acredite: o receio número um das pessoas comuns em relação as finanças pessoais é de ficar pobre enquanto os outros enriquecem. Mas é um erro temer mais a perda de uma oportunidade do que perder dinheiro em ações.

Ao longo de sua jornada como investidor de ações, você sofrerá tentações de todos os lados. Ela poderá vir de seu vizinho, seu colega de trabalho, ou até mesmo de um amigo ou parente próximo. Todos eles vão lhe contar que estão ganhando dinheiro fácil com determinada ação e que você deveria entrar junto.

Que grande tentação, não acha? Ganhar dinheiro fácil é o que todo mundo busca, não é mesmo? Acontece que dinheiro fácil não existe. Nunca esqueça disso! Não caia na tentação de entrar no final da festa. Não seja aquele que está indo enquanto os outros estão voltando.

 Lembre-se das sábias palavras de John Templeton:

 Se você quer um retorno acima da maioria, você precisa fazer coisas diferentes do que a grande maioria faz.

 A história a seguir ilustra muito bem as consequências do efeito manada.

A história de um engraxate do início do século XX e o efeito manada

o efeito manada em relação a perder dinheiro em ações

Esta história apresenta a antecipação do efeito manada por parte de um dos homens mais ricos de sua época. A história conta que numa manhã de outubro de 1929, o bilionário John Rockefeller, empresário do ramo de petróleo, encontrou seu engraxate como fazia costumeiramente.

Enquanto fazia seu trabalho, o garoto olhou para Rockfeller e fez o seguinte comentário: “Senhor, ouvi falar de alguns papéis que irão subir bastante nos próximos dias”. Em estado refletivo, Rockefeller levantou-se, pagou o garoto, agradeceu-lhe e ao voltar ao seu escritório, mandou vender boa parte de suas ações na Bolsa de Valores de Nova York.

A justificativa para tal atitude foi simples e direta: “Se até o garoto que lustra meus sapatos está sabendo tudo sobre o mercado de ações, então é por que algo muito errado deve estar acontecendo”.

Após uma semana, no dia 24 de outubro, a Bolsa de Nova York iniciava a mais traumática queda de sua história. Era o estopim da terrível crise de 29, levando milhares de pessoas à falência por perder dinheiro em ações.

Investidores de todos os tipos perderam muito dinheiro de forma rápida e sem aviso. Sabe-se que é bastante provável que a história de Rockfeller seja lenda, mas ela ilustra de forma categórica as consequências do efeito manada para aqueles que são persuadidos a seguir a multidão sem critérios. Assim, você pode observar com clareza mais uma situação em que perder dinheiro em ações vira um fato.

Para finalizar, anote esta notável citação de Warren Buffett no qual resume, brilhantemente, o comportamento que um investidor inteligente deve ter diante do mercado.

Tenha medo quando os outros são gananciosos e seja ganancioso enquanto os outros estão com medo.

Espero que tenha gostado deste artigo e que estas dicas tenham despertado sua atenção para que você evite perder dinheiro em ações.

Deixe sua opinião abaixo e até o próximo artigo. Um abraço!

(crédito das imagens: shutterstock.com)

Aprenda como ganhar de R$1mil a R$5mil por mês com dividendos, mesmo que tenha somente R$100 para começar.

André Fogaça

André Fogaça é empreendedor digital, investidor e co-fundador do GuiaInvest. É formado em Administração de Empresas pela UFRGS e pós-graduado em Economia e Finanças pela mesma instituição. Possui credencial de administrador de carteiras e consultor de valores mobiliários pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Ebook grátis:

O Plano Definitivo para Você Chegar à Liberdade Financeira

Descubra como planejar sua busca pela Liberdade Financeira começando do zero!

Baixar agora